segunda-feira, março 19, 2007

sentimento profundo (u)

A Quaresma continua...

No meio da Quaresma é o momento ideal para pensarmos o que já fomos fazendo para progredir na nossa conversão a Deus e para sermos mais santos.

Eis o tempo favorável para a nossa salvação, ou seja, é o momento para lermos mais a palavra de Deus, a escutarmos dentro de nós mesmos e levá-la para a nossa vida. Já o tentaste ou conseguiste fazer?

Eis o tempo favorável para a nossa salvação, ou seja, é o momento da nossa reconciliação com o mundo e com Deus. Que passos de perdão já tentaste ou conseguiste dar?

Eis o tempo favorável para a nossa salvação, ou seja, é o momento para nos entregarmos mais à oração e à intimidade com Deus. Como é a minha oração desde o início desta Quaresma, continua na mesma ou já melhorou?

Eis o tempo favorável para a nossa salvação, ou seja, é o momento em que somos convidados a partilhar, a renunciar e a abstermo-nos das coisas mais supérfulas e desnecessárias do dia-a-dia. Já renunciaste e partilhaste?

Um simples balanço que vos convido a fazer e que eu próprio também faço a meio desta Quaresma. Se ainda não tentámos e nem conseguimos fazer nada para alcaçar a salvação, ainda podemos tentar e conseguir!!!!!! Estamos quase a celebrar a Ressurreição de Jesus. Seria muito bom fazê-lo de coração e alma limpos e puros. Se tentarmos, já conseguiremos alguma coisa.

4 comentários:

Maria João disse...

Obrigado pela reflexão...

[sara] disse...

Ao abrir o blog reconheci logo os primeiros acordes da música de fundo... O que eu me fartei de cantar isto em território italiano! Puseste-me logo de sorriso de orelha a orelha! :)***

Maria João disse...

A Quaresma é um momento tão importante, mas tenho a sensação que passa despercebido a muitos crentes.

Será mais falat de formação ou de vontade de viver a Palavra de Deus na prática?

Maria disse...

É muito bom ouvir o alerta, para que nosso coração não caia num
«sono» e acorde tarde de mais.