sábado, janeiro 14, 2017

desabafo (b)

É impressionante a maneira de amar e a capacidade de amar do ser humano. Fico realmente maravilhado com os gestos de carinho, amor e afetividade que conseguimos ter uns para com os outros. Em vez de desabafar o escuro, prefiro desabafar o claro. O amor é luz, não caminha na sombra, mas mostra-se nas evidências dos gestos, das palavras, dos olhares e na maneira de viver. Com o amor, o carinho que se transmite num simples "olá" ou num abraço mais apertado, é revelador de que sentimos e sentimos muito e bem! Com o amor e o carinho é a capacidade de estar afetado ao próximo que nos torna a nós, pessoas, seres capazes das ações mais altruístas e grandiosas. Desabafo sobre o amor porque sem a Sua Luz a vida é pouco interessante e quem não ama só espalha sombras à sua volta. Mas é bom amar na simplicidade, na verdade e na vontade de que cada carinho seja um afeto do coração. Amar simplesmente sem procurar refúgios falsos, mas procurando as palavras certas. Amar simplesmente sem procurar outras formas de amor que não são amor. Amar simplesmente sem procurar coisas que só são "pendurões" e não dão nada de novo à essência do coração que está afetado pelo carinho do amor. Amem.... amem com todo o coração, com toda a alma e com todo o entendimento (como Ele nos ensina). Não se cansem de amar com muita Luz Verdade e carinho. Sejam afetuosos e não dispensem nunca um gesto carinho e fofinho para com as pessoas. Amem como se o amor seja sempre um agora!

terça-feira, janeiro 10, 2017

carta (h)

Senhor, não é fácil viver com o inesperado, e quando o inesperado parte da Tua vontade. Mas,... será o inesperado sem esperança? Hoje posso dizer-Te que não Senhor. Tu dás-me a paz e a esperança para saber encontrar o caminho que Tu queres. Posso não concordar nem viver bem com o que Tu queres, mas sei que a Tua vontade tem sempre maiores desígnios e por isso me coloco diante de Ti e nas Tuas mãos. Mas Tu sabes, Senhor, que me deixaste "à toa". Muito "à toa". Agora resta-me olhar a estrela que me deixaste para ver no Céu e com a sua luz não ficar desesperado, mas sentir que ele não se foi, mas que Tu o deixas estar aqui comigo. Sinto-o, mesmo, como agora, as lágrimas me caem e sinto o nó na garganta. Sinto-o quando na serenidade encontro a solução para os problemas através das suas sábias palavras que serão sempre um discernimento em cada coisa que penso ou faço. Sinto-o porque Tu queres que eu o sinta. A ausência física deixa um vazio tremendo e inexplicável que faz olhar as coisas com novos olhos e tornar a aprender a dar os primeiros passos, porque muita coisa é nova agora. e ninguém está preparado para isto,... para aprender a viver de novo. Eu não estou preparado. Mas a paz que de Ti e dele me vem fortalecem quem sou e me dão olhar para a vida.

quinta-feira, outubro 27, 2016

carta (f)

Estou aqui, Senhor, com a simplicidade da minha vida que é cheia de imperfeições e cheia de fragilidades.... Mas encontro-me a teus pés para Te louvar e Te pedir Luz. Sim,... preciso muito da Tua Luz para saber onde pôr os pés, pois nem sempre sei por onde ando. Há uma certeza que tenho: Tu estás sempre comigo, e quando parece que tantas coisas falham à minha volta e na minha vida (que é Tua) Tu fazes-Te bem presente nas pessoas que me amam, sorriem e se cruzam nas estradas e caminhos que percorro. Lembro muitas vezes que o simples sorriso dos que me encontram e esperam que eu Te dê a eles é o conforto que me faz querer levantar-me quando não encontro o sorriso que procuro na vida. Ainda hoje senti este sorriso de quem me quer ver, vendo o Teu rosto Jesus... Assim quero caminhar, mesmo com as minhas imperfeições e fragilidades que não são Tuas, Senhor. Quero sentir mais vezes que no meio da minha fraqueza posso levar e oferecer a Tua força. Só tenho a agradecer-te, Senhor, porque fazes de mim um instrumento da Tua vontade. Sou Teu, só Teu e de  ninguém mais... Sou Teu para sorrir,... Sou Teu para amar... Sou Teu para cantar,... Sou Teu para ser Voz da Tua Palavra,... Sou Teu para ser os Teus pés,... Sou Teu para ser as Tuas mãos,... Sou Teu para ser o teu coração,... Sou simplesmente Teu,... todo Teu. Amo-Te, Senhor, com as minhas dores, angústias, tristezas, incompreensões, amarguras, necessidades,... Amo-Te, Senhor, nas minhas alegrias, felicidades, abraços, beijos, mãos, sorrisos, criatividades, trabalhos, forças, sentimentos,... Amo-Te por inteiro Senhor, e ninguém, mas mesmo ninguém me vai tirar o Amor que colocaste em mim e que eu não vou deixar ser semente, mas que todos os dias quero que seja fruto. Estou aqui, Senhor, com a simplicidade da minha vida que é cheia de imperfeições e cheia de fragilidades....

terça-feira, agosto 16, 2016

carta (c)

o primeiro olhar,... o primeiro sorriso,... o primeiro toque,.. tudo quando acontece na primeira vez tem um gosto realmente especial. Escrevo-te para abrir a minha alma no sentido de que quero voltar sempre ao que é o primeiro, para me lembrar e para que tu te lembres que o que foi construído e se tornou sólido só foi possível porque houve em tempos um primeiro momento para tudo. Ainda hoje se vivem primeiros momentos e primeiras coisas, que não são mais que circunstâncias de adversidades que surgem pela provação de que o que é verdadeiro tudo suporta e é ultrapassado. Sim, Amor, és tu que me guias pela vida e desde o primeiro suspiro sei que só contigo e em ti consigo ir mais além. Lá escreve S. Paulo que a mansidão, a humildade e a paciência são três virtudes essenciais para a vida, mas que também só se vivem porque é o amor que tudo suporta. Sim, Amor, tu és o que me dá força para que em cada queda eu me levante, para que em cada sonho eu sonhe mais, para que em cada palavra eu sinta a lamechice dos afetos, para que em cada adversidade que aparece consiga olhar em frente,... Sim, Amor, é tu que me faz acreditar todos os dias que as pessoas de mau coração podem ser boas,... que a inveja vai dar lugar à fraternidade,... que as dúvidas serão colocadas e serão acreditadas,... Sim, Amor, só tu me fazes suportar o que diariamente me faz descer as lágrimas porque sendo as pessoas o importante da vida, também são as pessoas que mais mal fazem à própria vida. Amor, quero o teu conforto, a tua consolação, o teu abraço, o teu beijo... quero-te só a ti sem que mais ninguém possa interferir entre nós, mas dando conta que és Tu e eu que podemos estar presentes na vida dos nossos próximos. 
Amor, quero-te hoje, como te quis ontem e te vou querer amanhã.

domingo, julho 17, 2016

desabafo (a)

Há muitas coisas más no agir e no ser de cada pessoa,... Mas também há muitas coisas boas! O ser humano é capaz de fazer as coisas mais belas e, ao mesmo tempo fazer as mais horríveis. Para mim esta verdade é absoluta. Mas há uma outra verdade horrível que algumas pessoas têm a capacidade estrondosa de fazer: magoar o próximo. Magoar com palavras verdadeiras e falsas... magoar com mentiras que aparentam ser verdades... magoar com a partilha de paixão pela vida que se transforma em falsidade por irracionalidades... magoar pela aparência de conversão que não passa de aparência... magoar por não dizer sentimentos reais... magoar por não abraçar e só olhar de lado... magoar por só falar e por não dialogar... magoar pela falta de sinceridade... magoar por que recebem vida e só dão um bocadinho de si... Infelizmente há muita gente que magoa. Quero rezar por elas, Senhor! Que se deixem iluminar por Ti e deixem de magoar quem só e simplesmente quer amar!...

sexta-feira, julho 15, 2016

carta (a)

Escrevo-te, Senhor, com o olhar no infinito que é finito de tudo o que se vê. Escrevo com palavras que querem fluir, mas que não sabem como sair nem onde poisar. Agora o olhar é de finitude, pois parece que há muitas coisas vazias de sentido na minha vida. Sim, eu sei e tenho a firme certeza que tu és o Único Sentido... Mas quando a volta os afetos, as formas de ser, os gestos, os olhares são de maior fim do que infinito,... há muitas coisas que perdem sentido. Infelizmente há pessoas que não se apercebem que a sua falta de verdade e afetos magoa! Para quê, Senhor, criar uma imagem do que não se é para se alcançar os fins pessoais e não o bem de todos? Porque é que há quem só olha para si, e esconde do próximo o que realmente quer e faz? Estas são as únicas palavras que agora se soltam ao vento. Soltam-se na esperança de encontrar a resposta no mesmo vento que as leva, para que não as traga, mas para que abane o ser das pessoas. Senhor, sou teu e do mundo onde tu me queres!

Acredite: a vida é uma sinfonia perfeita

Já disponível numa livraria perto de si...

sábado, maio 14, 2016

coisas de mim (z)

As avalanches são devastadoras na vida humana, sempre que apanha uma pessoa pela frente. Há formas de viver e turbilhões de pensamentos que também podem ser verdadeiras avalanches na vida das pessoas. Sinto-me por vezes avassalado por acontecimentos e sentimentos que vêm ter diretamente ao meu coração. Uns acontecem por causa das minhas atitudes irrefletidas,... outros porque nem sempre se convive bem com a verdade,... outros ainda porque os sentimentos não são evidenciados, mesmo estando eles presentes em olhares e no ar que se respira,... outros são de tal maneira fortes que avassalam tudo! É assim a vida, feita de avalanches que podem destruir, mas que também podem reconstruir. Uma avalanche também pode dar a motivação para fazer tudo de novo. Melhorar o que estava e renovar o bom que existiu e que se pode tornar melhor e mais belo. Senhor, ilumina-me para que as avalanches da vida sejam oportunidades de renovar tudo em Ti e para Ti!