segunda-feira, julho 02, 2007

faz hoje um ano...



Foi a dois de Julho de 2006 que fui ordenado padre. Hoje deixo aqui algo que já partilhei, mas que revela o meu sentimento hoje ainda.

«Há coisas interessantes no decorrer dos vários momentos da vida. Hoje dei comigo a pensar que posso rezar mais, que posso levar mais Deus aos outros: tudo depende de mim. Muitas vezes desperdiço muito tempo em coisas fúteis (ou não) e esqueço-me do essencial. Hoje penso e preciso de estar mais dentro do mundo e da sociedade que me envolve, e nela encarnar Jesus. Encarnar Jesus no ministério sacerdotal e depois encarná-lo na vida pastoral. Seguir Jesus para onde quer que ele vá e onde quer que ele quer que eu esteja. (cf Lc 9, 57). Mais do que andar por meio de gentes, é preciso conhecê-las estar com elas e ser um só com elas. Muitos homens e mulheres têm quem os ampare, mas também muitos outros não têm e é para estes que eu quero ser sacerdote (nunca deixando ninguém de fora, claro). Peço a Deus sabedoria e coragem para seguir sempre os seus passos, e no seu caminho encontrar a palavra certa a dizer àqueles a quem eu irei encontrar ao longo da vida. Deixar tudo e seguir Jesus (cf Lc 9, 62) pode parecer uma atitude radical demais, mas é isso mesmo que tem de acontecer. Posso hoje dizer que já deixei muita coisa, mas muita mais tenho de deixar para continuar num caminho de entrega total a Deus e ao Seu Reino. Quero ser a ponte entre Deus e os homens! Quero ser o apóstolo da Palavra! Quero ser quem dá o Espírito na caminhada cristã! Quero ser irmãos com os meus irmãos sacerdotes! Quero ser a comunidade(s) que me está confiada! Só isto peço ao Senhor, só isto é o que eu quero: estar com Ele, viver com Ele e levá-lo aos outros. Mas (e são tantos os “mas” na vida do homem e da mulher) quero estar em renovação constante em cada dia. Não uma renovação de visão, mas numa renovação interior e de descoberta. Estou convicto que em cada dia descubro mais um pouco deste meu e nosso Deus que nos dá tanto e nos pede tão pouco. Costumo dizer que basta acreditar par ter a salvação de Deus. Hoje posso dizer que já não é algo que digo somente aos outros, mas algo de que estou convicto e que espero que muitos outros também estejam. A nossa fé baseia-se na pregação da Palavra de Deus e na maneira de viver e pôr em prática essa mesma Palavra. Peço perdão a deus pelas vezes que anunciei aquilo que não vivo, mas também peço a Deus a ajuda necessária para continuar a crescer, não só no arrependimento, mas na construção da minha espiritualidade.»

11 comentários:

Pe. Tó Carlos disse...

Parabéns...
Dois dias magnificos... o dom da vida (dia 1) e o dom do sacerdócio (dia 2)... Que seja assim por muitos e longos anos!

elsa nyny disse...

Muitos PARABÉNS Ângelo!!!

Que Ele te proteja sempre!!

beijinhos!
:)

Anónimo disse...

Parabéns, Padre! Que Deus o guie!
Um abraço amigo

malu disse...

Parabéns e obrigada Senhor. Que sejam muitos mais e felizes anos!

Abraço.

Maria João disse...

Parabéns e semeia muito! Vou rezar por isso!

beijos em Cristo

Tiago Almeida disse...

vim ver-te
e parabéns
passa por lá

Sandra Dantas disse...

Parabéns!!!
Que Deu continue a abençoar-te e a dar-te a força necessária para continuar a Amar sem medida!

Um abraço amigo!

s.p. disse...

olá...passa no cantinho...

joaquim disse...

Embora muito atrasado, parabéns e que o Senhor te conceda todas as graças necessárias à missão que te confiou.

Abraço forte em Cristo

Padre César Cruz disse...

O dia 2 é assim, deixa marcas. No passado dia 2 fiz 7 anos... O tempo passa... Não te deixes passar pelo tempo mas vive como se o tempo não passasse por ti marcando o ritmo do teu respirar e do teu viver!

Maria disse...

O Dom do Sacerdócio,a consagração é de Deus e não há nada a dizer, apenas muito amor ,felicidades e Parabéns,sempre em Cristo.