sábado, abril 13, 2019

carta (q)

Senhor,... por vezes na vida encontram-se pessoas que te olham de uma forma "estranha", deturpada e pequenina... e isto deixa-me triste.... deixa-me triste porque os teus discípulos deveríamos crescer, contigo, brilhar contigo, ser contigo, dar os passos contigo,... os teus discípulos deveríamos ser muito mais do que imitadores do desconhecido, mas sim seguidores doas Tua pegadas. Hoje vejo pessoas, filhos Teus (dizem sê-lo), que não fazem mais do que ter uma "capa" estranha de si mesmos, mascarando-se de Ti. Não quero isto para mim, Senhor,... Não quero mostrar uma máscara Tua, mas sim o teu rosto,...  mostrar as Tuas Palavras,... mostrar que Tu és muito mais do que essas máscaras de Ti querem fazer-se. Se ao menos mais pessoas te sentissem e tivessem o desejo de ver e ser o Teu rosto verdadeiro, o mundo seria melhor, seria diferente! Mas hoje estou triste com as máscaras que se vão revelando de Ti, porque Tu, Senhor, não és uma máscara! Tu Senhor és Luz e não trevas! Tu, Senhor, és Amor e não ódio! Tu,Senhor, és caminho e não barreira! Tu, Senhor, és muito mais do que eu possa dizer e escrever, porque Tu, Senhor, és o Tudo e o Todo! Só quero mostrar na vida quem Tu és, sem máscaras, sem capas e sem maus sentimentos, pensamentos e desejos...

Sem comentários: