sábado, julho 14, 2012

"Deus fala de paz ao seu povo e aos seus fiéis e a quantos de coração a Ele se convertem."

Deus atua na humanidade através de nós próprios. Deus toca o coração daqueles que estão abertos à Sua graça e que, com simplicidade e confiança, aceitam o seu desafio de ir e proclamar. Todos temos em nós próprios, enquanto batizados, a missão de profetas. Mas aceitamos a missão e vivemo-la?
Amós, criticado pelo sacerdote de Betel pelas palavras proferidas ao Povo, palavras de arrependimento e conversão, abre o seu coração e, na simplicidade, revela a sua origem: «Eu não era profeta, nem filho de profeta. Era pastor de gado e cultivava sicómoros. Foi o Senhor que me tirou da guarda do rebanho e me disse: ‘Vai profetizar ao meu povo de Israel’». Nesta sua resposta às palavras de Amasias, Amós revela a sua confiança plena em Deus e a sua entrega total nas suas mãos. Não é a origem que conta, mas a forma como se aceita que Deus fale ao coração. O profeta sabe que a sua missão vem de Deus. Cada um de nós sabe-lo? Deixamos o coração aberto e à escuta do Senhor? Enquanto profetas fazemos a denúncia do mal e fazemos frutificar o ser Igreja? Quantas vezes não teremos já virado as costas a quem, com simplicidade e humildade ao querer fazer o melhor para nós, nos aponta os erros e as falhas e nos dá o horizonte da conversão? É difícil ouvir as verdades e deixar que as verdades transformem.
Deus escolhe cada homem e cada mulher, independentemente da sua condição de vida, para falar ao Seu Povo. É preciso deixar os comodismos e os bairrismos que, em vez de nos aproximar, afastam! A Palavra do Senhor é uma palavra de paz e de conversão, por isto é que o coração deve abrir os seus olhos e o seu espírito à receção e à transmissão da Palavra.
Mas também não basta ir pelo mundo. É preciso ir, mas ir e anunciar, testemunhar, denunciar e mudar a/as vida/as. Foi para que isto acontecesse que Jesus enviou os Apóstolos. Enviou-os dois a dois (como era tradição judaica de viajar aos pares) para que estes se sentissem implicados e enraizados na dinâmica de ouvir, fazer e responder positivamente aos apelos do Céu e, assim, os corações das terras e das casas onde entrassem, fossem transformados pela força da Palavra. Nós hoje, discípulos de Jesus, escutando o seu desafio de ir, respondemos? A nossa vida é transparência da vida libertadora de Jesus? Estamos abertos às novidades que nos vêm do Senhor?
“Bendito seja Deus, Pai de Nosso Senhor Jesus Cristo, que do alto dos Céus nos abençoou com toda a espécie de bênçãos espirituais em Cristo.”

6 comentários:

Maria disse...

Pe. Ângelo
Fiquei muito feliz por mais uma vez sermos agraciados pela Palavra de Deus, que por SI nos é revelada com todo o carinho,e verdade.
A Palavra de Deus tem de ser meditada interiorizada,e neste momento só vou falar de um ponto em que muitas vezes não gostamos de ouvir quem nos aponta os erros eu fico muito feliz quando isso acontece é porque esse alguém nos quer mostrar a vida,a verdade,o caminho de Deus,era assim o meu ex Prior,frontal,desinstalava e foi assim que encontrei Jesus de verdade

emanuel disse...

Hoje este mundo cada vez mais no meu ver a palavra de Deus parece distante das pessoas.Quantas pessoas sentem vergonha de dizerem que sao catolicos ,parecem que tudo o que aprenderam nao serviu para nada ,porque sera que tem vergonha de falar de Deus .Eu nao sou melhor que os outros mas vergonha de ser quem sou de onde vim nunca na minha vida ,acho maravilhoso acreditar sem ver ,sinto sempre a necessidade de falar com Deus ele e a luz e guia da minha vida .Espalhar a palavra e muito mais que ouvir, e espalhar pelo mundo o amor de Jesus as pessoas e contribuir para a sua obra ,e preciso acima de tudo primeiro aceitar e abrir os nossos coraçoes e so depois entao dar testemunho de tudo que somos e aprendemos como cristaos e discipulos de Deus ,um abraço

Maria disse...

Deixar o nosso coração aberto ao Senhor para que ELE o trabalhe e lhe dê força, para que nós possamos pôr em prática a Vontade do Senhor junto do próximo,mas com um coração limpo sem criticas destrutivas ,mas com carinho pensar que nem sempre temos razão, e o que nós pensamos o outro também pensa,não somo casos único.
É pensar exatamente em Jesus,ao jeito de Jesus, e só em Jesus,mesmo que abale alguém.
Todos os dias peço ao Senhor Jesus que aumente a minha fé, cada dia que passa sempre mais, e que eu consiga entender a Sua Vontade para que a possa realizar com a minha vida.

Maria disse...

Penso que amanhã será o inicio da Peregrinação à terra Santa,será? Desejo Pe.Ângelo que seja uma Peregrinação frutífera,que o vosso coração fique inundado do amor de Cristo,porque ao pisar esses lugares santos, pisados por Jesus deve ser único.
Rezarei por vós.

Maria disse...

Pe.Ângelo
Desejo que a peregrinação à Terra Santa esteja a decorrer com muito amor, nesses lugares santos vividos por Jesus,andar por onde Jesus andou,tocar... deve ser de uma emoção extrema.

Maria disse...

Estou feliz,estou a dar mais um passo... vou começar a fazer as leituras na Missa Dominical,dar a minha voz à palavra de Deus,é de uma emoção extrema,só peço que o Espírito santo me ilumine.